Covid-19

Covid-19: Governo fecha contrato de 138 de milhões de doses da Janssen e Pfizer

O governo federal assinou contratos com as farmacêuticas Janssen (do grupo Johnson & Johnson) e Pfizer nesta quinta-feira (19). No total, as empresas preveem a entrega de 138 milhões de doses das vacinas contra a Covid-19. Do montante, 100 milhões serão produzidas pela Pfizer e 38 milhões pela Janssen.

Segundo o portal G1, o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, já havia anunciado que o governo estava prestes a assinar os acordos. Até agora, as vacinas que tiveram registro definitivo pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para distribuição no Brasil foram a da Pfizer e da Astrazeneca/Oxford. A Janssen não tem registro definitivo nem autorização para uso emergencial no país.

Thank you for watching

As vacinas da Pfizer e da Janssen já foram aprovadas pela Organização Muncial da Saúde (OMS) para uso emergencial. Das vacinas que já estão sendo aplicadas no mundo, a da Janssen é a única de apenas uma dose.

As 38 milhões de doses da Janssen estão previstas para ser entregues no quarto trimestre de 2021. Ainda segundo o G1, o contrato prevê que a entrega das doses da Pfizer estão divididas em duas partes no cronograma:
Segundo trimestre de 2021: 13.518.180 doses
Terceiro trimestre de 2021: 86.482.890 doses

O contrato também consta que o Brasil vai pagar dez dólares por doses da vacina da Pfizer. Com isso, o valor fechado com a empresa é de 1 US$ bilhão. O contrato da Janssen também prevê o valor de dez dólares por dose e um pagamento de primeira parcela de US$ 95 milhões.

O Brasil faz parte do consórcio Covax Facility, coordenado pela OMS, para distribuição de vacinas. Estão previstos 42 milhões de doses para o país. O primeiro milhão está previsto para chegar neste fim de semana.

Já o Ministério da Saúde afirmou que espera fechar a compra de 13 milhões de doses da vacina da Moderna. Também há uma negociação para compra de 10 milhões de doses da Sputnik V. (Bahia Notícias)

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo