Crime

Veja quem é o hacker que vazou dados de 223 milhões de brasileiros

O hacker Marcos Roberto Correia da Silva (foto em destaque), de 24 anos, preso pela Polícia Federal (PF) nesta sexta-feira (19/3) no âmbito das investigações da Operação Deepwater, é velho conhecido dos investigadores por ataques cibernéticos cometidos ao sistemas do Exército Brasileiro, Senado Federal e Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Marcos Roberto é acusado de vazar ilegalmente dados de 223 milhões de brasileiros. Esta é a segunda vez que o hacker é preso pelo crime.

Antes, a PF havia detido o criminoso, conhecido na comunidade cibernética como Vandathegod, por envolvimento na invasão às redes do TSE durante o primeiro turno das eleições municipais de 2020.

Na ocasião, os investigadores identificaram que Marcos Roberto integrava grupo de criminosos brasileiros e portugueses responsável pelos ataques virtuais. Os investigados tiveram acesso a informações de servidores públicos do tribunal, divulgadas ilegalmente. (Metrópoles)

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo